22/11/2019

Inadimplência cresce nas empresas brasileiras

 

Consoante com uma averiguação realizada pela CNDLjuntamente com o SPC Brasil, as empresas inadimplentes terminam com uma dívidamédia de R% 5.561,98 no último mês de outubro.

Mais de 56% das empresas que estão negativas no Brasilapresentam pendencias que se somadas superam o número de R$ 1000.

 

Consoante com a pesquisa houve um crescimento de 5,55% naquantidade de empresas com contas em atraso no país em outubro, o querepresenta a maior alta desde janeiro deste ano.

 

O presidente da CNDL, José Cesar da Costa, falou “Adificuldade dos empresários em manter os compromissos financeiros em dia estárelacionada ao crescimento modesto da economia. Apesar de a economia dar sinaisde recuperação e a inflação se manter controlada, assim como os juros em menorpatamar, há uma considerável distância entre os níveis atuais de atividade e osque antecedem a crise”, analisa Costa.